Prefeito Nagib e primeira-dama visitam e entregam colchões e cestas básicas às vítimas da enchente em Codó

O prefeito de Codó, Francisco Nagib, acompanhado da primeira-dama e secretária de desenvolvimento social, Agnes Oliveira e do Diretor do SAAE, Evimar Barbosa, esteve hoje numa ação de apoio às famílias desabrigadas pela enchente do rio Itapecuru. Em sua visita a escola Estevam Ângelo, que está servindo de moradia temporária aos desabrigados, o gestor entregou colchões e cestas básicas.

Vereador Leonel Filho e voluntários prestam assistência às famílias remanejadas pela cheia do Itapecuru

Esta semana o presidente da Câmara Municipal de Codó, vereador Leonel Filho, visitou as famílias que estão sendo remanejadas para abrigos em razão da cheia do Rio Itapecuru. O parlamentar falou sobre o trabalho solidário da sociedade em ajudar as vítimas da enchente, como políticos, empresários e os cidadãos em geral, que forneceram veículos para o remanejamento das famílias.

Vereador pastor Max destaca o trabalho voluntário e solidário da sociedade codoense

O mês de março está sendo um mês de grandes dificuldades para as famílias codoenses, sobretudo as famílias mais humildes. Além de todas as privações e dificuldades impostas aos cidadãos pela pandemia do coronavírus, muitas famílias também estão sofrendo os efeitos das torrenciais chuvas, fato que ocasionou uma grade cheia e o transbordamento do Rio Itapecurpu, desalojando mais de duzentos e cinquenta pessoas.

No entanto, para atenuar o momento crítico e prestar ajuda as famílias mais necessitadas, muitos cidadãos codoenses, das mais diversas áreas, estão formando uma corrente de mobilização em socorro as famílias desabrigas pelas enchentes e os trabalhadores em dificuldades econômicas em razão do período de contingência causado pela pandemia do coronavírus.

Sociedade Solidária

Políticos, empresários, comerciantes, profissionais liberais e trabalhadores de diversas áreas formaram uma grande corrente de ajuda, que o vereador pastor Max está chamando de Sociedade Solidária. “Os cidadãos de nossa cidade estão passando por um período de grandes dificuldades. Um período de contingência, inúmeras restrições e isolamento social, em que muitos trabalhadores estão deixando de ter sua renda e também, devido às enchentes, inúmeras famílias tiveram que ser realocadas para abrigos. No entanto, o povo de Codó é de coração enorme e espírito solidário. Fico feliz de estar aqui fazendo a minha parte ao lado dos muitos voluntários que estão ajudando no transporte e com alimentos. É um movimento bonito e que eu chamo de Sociedade Solidária”, destacou o parlamentar.

O vereador, que continuou fazendo a distribuição de cestas básicas às famílias carentes, agradeceu ao empenho de todos os voluntários e incentivou a mais codoenses a entrarem na corrente solidária. “Eu, assim como todos os amigos voluntários, estamos fazendo a nossa parte e tenho a certeza que essas ações irão inspirar a mais homens e mulheres de bem a se unir a todos nós nessa corrente de ajuda, que está fazendo a diferença para muitas famílias. tenho certeza que a nossa união irá fazer aumentar a nossa Sociedade Solidária”, concluiu Pastor Max.

Prefeito Nagib e Dr. Junior mostram HGM pronto para receber possíveis casos do Covid-19

O prefeito Francisco Nagib e o diretor do Hospital Geral Municipal (HGM), Dr. Josué Junior, infirmaram pelas redes sociais que a unidade de saúde já conta com oito leitos de Unidade de Cuidados Intensivos para receber possíveis casos de pacientes graves de novo coronavírus. O prefeito afirmou que a nova estrutura é moderna e pediu que os codoenses permaneçam em suas casas e os que trabalham tomem os cuidados necessários para não se contaminarem com o Covid-19.

Estamos cientes do momento difícil, e eu como prefeito, estou buscando me movimentar, dentro da nossa realidade, do que podemos fazer e fazer agora, que é equipar o HGM para que se necessário, tenhamos pelo menos uma estrutura moderna, capaz de iniciar os atendimentos e manter o paciente com vida. É suficiente para todos? Não será, assim como não foi em países de primeiro mundo, principalmente se tivermos a multiplicação do vírus em massa e de forma muito rápida. Por isso peço nesse momento, que ainda se resguardem em casa por mais alguns dias, e aos que precisam trabalhar, tomem os devidos cuidados para não se contaminarem, e consequentemente também serem multiplicadores do COVID19. Que Deus nos abençoe, estamos à espera de dias melhores, em breve tudo voltará ao normal”, declarou o gestor.

Deputado Zito Rolim participa da primeira votação remota, em que a Assembleia aprovou o decreto de calamidade pública no Maranhão

O deputado Estadual Zito Rolim-(PDT), participou da primeira votação remota, em que a  Assembleia Legislativa do Maranhão  aprovou na tarde de terça-feira, 24 de março,  o decreto de calamidade pública do governo estadual. A apreciação foi feita por videoconferência, a primeira sessão remota da história do Legislativo maranhense, como medida de contenção do avanço do novo coronavírus. A sessão durante a qual, excepcionalmente, não houve expedientes nem tempo dos blocos ou lideranças, foi a primeira a utilizar o sistema de deliberação remota, no qual os deputados estaduais puderam votar por meio de dispositivos eletrônicos como tablets e smartphones.

Entre as matérias votadas e aprovadas, estão o Projeto de Decreto Legislativo 02/2020, de autoria do Poder Executivo, que aprova o pedido de reconhecimento do estado de calamidade pública no Estado do Maranhão até 31 de dezembro de 2020, e o Projeto de Resolução Legislativa 020/2020, de autoria da Mesa Diretora, que institui o Sistema de Deliberação Remota por Videoconferência no âmbito da Assembleia Legislativa do Maranhão.

Para nós é motivo de grande satisfação poder contribuir com Maranhão nesse momento tão difícil, voto sim, pois ele está comprometido em cuidar do povo maranhense”, disse Zito Rolim, deputado estadual. Veja o vídeo abaixo.]