A ignorância que vem do Maranhão: pesquisa mostra o segundo pior estado em distanciamento social

O Maranhão é o segundo pior estado do Brasil a cumprir as medidas de distanciamento social, de acordo com a primeira etapa nacional de uma pesquisa coordenada pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel).

O levantamento foi realizado durante uma semana, entre 14 e 21 de maio, para testar a presença da doença na população. Os dados foram obtidos diretamente por meio das respostas dos participantes ao questionário aplicado pelos pesquisadores. Com uma taxa de 47,2% de distanciamento social, o Maranhão só ficou atrás de Alagoas, que apresentou 46,8%. Ao lado de Roraima, com 47,3%, ambos foram os únicos estados do Brasil que apresentaram taxas abaixo da metade dos entrevistados.

O estado de melhor índice foi Santa Catarina, com 69%. Vale lembrar que a Grande São Luís (Região que abrange a capital maranhense e os municípios de Raposa, Paço do Lumiar e São José de Ribamar) foi a primeira do Brasil a decretar o ‘lockdown’ (confinamento obrigatório). A medida durou 13 dias no estado, que atualmente vive o processo de abertura gradual do comércio. A pesquisa também revelou que o Brasil tem sete vezes mais contaminados por Covid-19 do que mostram as estatísticas oficiais. Levantamento fez 25.025 entrevistas em 133 municípios. Entre as conclusões está que 1,4% da população tem anticorpos para a doença

Mototaxista tenta invadir Câmara Municipal, fere repórter e acaba preso em Codó

Na sessão desta terça-feira (26) aconteceu um fato lamentável na porta da Câmara Municipal de Codó. À noite, um mototaxita, identificado como Mauro, insistiu em entrar na Câmara Municipal sem a máscara de proteção, exigido pelas autoridades em saúde. Impedido de entrar pelo segurança da Casa Legislativa, o mototaxista começou a agredir o segurança, que foi obrigado a contê-lo. Na tentativa de agredir ao segurança, Mauro atirou o seu capacete, que pegou na perna e feriu a repórter Ruthe Samara.

O motataxista, quando voltou a porta da Câmara, foi logo autuado e preso pela Polícia Militar. Ele passará a noite na 4ª Delegacia de Codó. Assessores e funcionários da Câmara Municipal de Codó relataram que o mototaxista costuma agredir pessoas dentro das dependências do parlamento, criar confusões e se refere aos vereadores de forma bastante desrespeitosa.

Assista aos vídeos feitos pelo repórter Jair Ribeiro no momento em que o mototaxista é preso e do relato da repórter Ruthe Samara, vítima da agressão do mototaxista.

Coordenador do Procon fala sobre a importância do consumidor formalizar denúncias sobre preços abusivos em Codó

Em entrevista ao repórter Jair Ribeiro, o Coordenador do Procon Codó, Tomé Mota, falou sobre a atuação da autarquia em tempos de pandemia e sobre a importância do consumidor e a população em geral de formalizar a denúncia em casos da prática de preços abusivos por parte dos comerciantes.

Em Codó, devido a crise de pandemia do Novo Coronavírus, muitas denúncias estão sendo feitas, de comércios que estão praticando preços abusivos ou até mesmo obrigando funcionários infectados a trabalharem. Se você consumidor achar casos de preços abusivos, formalize sua denúncia para o Procon de Codó.

Polícia Militar intensifica operação varredura e recupera duas motocicletas roubadas em Caxias

Nessa segunda-feira (25), policiais da Força Tática e Esquadrão Águia intensificaram a Operação Varredura em Caxias e recuperaram 02 (duas) motocicletas que foram roubadas nesse final de semana.

A motocicleta Honda Pop 100, placa OIJ-2776, cor preta, roubada ontem (24/05) foi recuperada em um matagal, no bairro Refinaria, por volta das 08h30.

A motocicleta Yamaha XTZ 125K, placa PSD-1154, cor preta, roubada no sábado (23/05) foi recuperada no bairro Luiza Queiroz, por volta das 16h20. O autor do roubo foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil de Caxias para as providências cabíveis.

A Operação Varredura é deflagrada diariamente com o objetivo de coibir a ação dos criminosos e proporcionar a sensação de segurança na comunidade.

Com esta ação, a Polícia Militar contabiliza um total de 143 veículos recuperados na área do 2º BPM em 2020.

POLÍCIA MILITAR: GUARDIÃ DA SOCIEDADE

ASSECOM/2° BPM

Ives Gandra diz que Bolsonaro não cometeu crime em vídeo de reunião

O jurista e membro da Academia Brasileira de Direito Ives Gandra avaliou que não consegue caracterizar um crime por parte do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em relação ao conteúdo do vídeo da reunião ministerial de 22 de abril, divulgado na última sexta-feira (22).

“O vídeo, que, por ser reunião fechada do Executivo, e que evidente não deveria ter interferência do poder Judiciário, nesta reunião fechada, houve manifestações que não me agradam no nível de palavreado, mas não consigo caracterizar um crime por parte do presidente”, afirma Gandra.

“Em nenhum momento, o presidente caracterizou alguns daqueles pretendidos crimes apontados pelo procurador-geral”, completou

O jurista avalia, ainda, que a decisão do Ministro Celso de Melo pela publicidade do vídeo, do ponto de vista jurídico, tem “inconvientes”. “Grande parte da reunião não tinha nada a ver com o processo, razão pela qual, ao meu ver, no momento que ele publicou, apesar da grande admiração que tenho pelo ministro, ele agiu mais politicamente do que como magistrado”, afirmou.

Fonte: R7

Promoção Fique em Casa e Coma Bem do D’lla Grill. Ligue pro nosso serviço de entrega!

Continue em Casa e aproveite com todo conforto e segurança o serviço de entrega do D’lla Grill

Refeição apenas R$ 10,00 e a taxa de entrega fora do centro da cidade (qualquer bairro) apenas R$ 2,00

Ligue e peça a melhor, mais saborosa e mais em conta opção para refeição em Codó. No D’lla Grill você encontra os melhores pratos quentes, cozidos, carnes ao molho, saladas e os melhores cortes grelhados. Uma opção saudável e muito em conta para seu almoço.

Aproveite com todo conforto e segurança o serviço de entrega do D’lla Grill. Nossos telefones:

Rua Marques Rodrigues, 663, Centro – Codó. Ou peça sua refeição pelos telefones: (99) 98146-9220/ (99) 98203-5583/ (99) 98811-2485 e (99) 99173-8956